All Posts By Eduardo Monteiro

Animações
// 06/10/2016
festa-da-salsicha

Festa da Salsicha é uma dessas raridades que se arrisca a levar sexo, drogas, palavrões, violência e vulgaridade a um universo tradicionalmente dominado por bichinhos falantes.

Leia mais
Artigos
// 26/05/2016

  Rigorosamente todos os elementos de um filme podem – e devem – ser utilizados como ferramentas narrativas. As cores (ou a ausência delas), por exemplo, ajudam a determinar a estética de uma produção, que deve estar alinhada à proposta narrativa do projeto, da mesma forma que a edição de som, a montagem, a trilha…

Leia mais
Aventura
// 14/04/2016
mogli

Parece que a vida da Disney no resgate de seus clássicos animados em longas com atores reais é uma montanha-russa. Se acerta em cheio em algumas tentativas de revitalizar textos que não conversam bastante com o público atual, dá sinceros escorregões em outros. Mogli: O Menino Lobo, apesar de visualmente encantador, é um desses casos do…

Leia mais
Críticas
// 07/04/2016
rua-cloverfield-10

A ideia da corrente feminista que defende que “todo homem é um estuprador em potencial”, em situações críticas, pode representar uma ameaça palpável para mulheres.

Leia mais
Animações
// 07/01/2016
o-bom-dinossauro

Mal conseguiu pagar os pecados com Divertida Mente, voltando ao coração e idolatração da público, a Pixar recua novamente em seu brilhantismo e padrão inovador em O Bom Dinossauro, repetindo uma fórmula simples que já não é um gancho pra ninguém.

Leia mais
Animações
// 25/06/2015
minions

Alívios cômicos por excelência, os minions caíram como um meteoro na graça do público e se tornaram a maior, senão única razão do sucesso da franquia.

Leia mais
Animações
// 18/06/2015

Há algum tempo a Pixar vem pisando na bola e, por consequência, pisando em ovos. Mas Divertida Mente retorna à mesma conexão filme/espectador que só Toy Story 3 conseguiu nos últimos cinco anos.

Leia mais
Críticas
// 23/03/2015
cinderela

Um conto de fadas com um formato de história datado teria muito o que dar errado. Verdade. Mas Cinderela é a prova de como adaptações a textos tão conhecidos são bem-vindas para manter uma memória afetiva atual.

Leia mais