Mudança radical do ator Joaquim Phoenix é uma farsa

Documentários
// 17/09/2010

Quando o ator Joaquim Phoenix foi ao programa do David Letterman no ano passado, a reação do público e da imprensa foi a mesma: espanto. O ator estaria desistindo de sua carreira no cinema para encarar o universo musical, numa reviravolta completa em sua vida que, em tese, teria mudado seus hábitos e modos de agir.

Mas o cunhado de Phoenix, Casey Affleck, que realizou um documentário sobre a vida do ator, admitiu ao The New York Times que tudo não passou de uma encenação desde o começo. Segundo Affleck, o desempenho de Joaquim Phoenix foi o melhor e mais arriscado da sua carreira, já que poderia ter comprometido sua credibilidade como pessoa pública.

O filme em questão, I’m Still Here, foi exibido no último Festival de Veneza e, apesar de no próprio longa haver os dizeres “documentário falso”, muitos acreditaram ser uma pegadinha do diretor. Affleck esclareceu que todas as cenas “polêmicas” presentes no documentário, como o consumo de drogas e o relacionamento com prostitutas, não passaram de encenação, inclusive o trecho de abertura, que mostrava Phoenix nadando com seus irmãos em um lago do Panamá (esta cena fora filmada com outros atores, no Haiti).

Casey Affleck disse que a ideia não era enganar ninguém. Para desfazer a confusão, Joaquim Phoenix irá novamente ao programa do Letterman (que não estava sabendo dessa espécie de brincadeira) na próxima semana e promete não se portar mais como o personagem.

Comentários via Facebook
Categorias
Documentários