Sacha Baron Cohen abandona o papel de Freddie Mercury nos cinemas

Biografia
// 22/07/2013

Depois de anos desde quando foi anunciado como o responsável por interpretar o lendário vocalista do Queen, Freddie Mercury, Sacha Baron Cohen – apesar de uma escolha aclamada, tanto pelo talento do ator como pela semelhança física com o cantor – abandonou a produção da cinebiografia, graças às diferenças criativas com os membros da banda.

Enquanto Cohen pretendia dar um tom mais pesado, explorando os aspectos íntimos de Freddie e a vida polêmica do cantor, notadamente bissexual, Roger Taylor, John Deacon e Brian May desejavam um filme mais família, dificultando o andamento da produção, já que eles detinham o poder do veto em relação aos roteiros e à direção. Segundo o Deadline, Cohen chegou a tentar desenvolver o longa com os diretores David Fincher (A Rede Social) e Tom Hooper (O Discurso do Rei), mas nunca recebeu a aprovação dos músicos da banda.

Só nos resta lamentar. Não será dessa vez que veremos a vida e a obra de um dos maiores cantores de rock do século XX nas telas de cinema, mas talvez seja melhor, se é um filme de censura livre que os artistas restantes do Queen desejam.

Comentários via Facebook
Categorias
Biografia, Musicais